Google+

21 de dez de 2008

Depois eu faço: dicas para a criança não adiar tarefas

Seu filho deixa tudo para depois? Não faz as tarefas no momento em que devem ser feitas? Adora dizer: "espera um pouquinho" ou "depois eu faço". Ele pode ser um procrastinador.
Procrastinar: o ato de adiar, delongar, demorar, espaçar ou, simplesmente, transferir para o outro dia.
Psicólogos afirmam que o ato de procrastinar não tem origem genética. O procrastinador trás esse comportamento dos grupos com os quais conviveu. Portanto se seu filho apresenta o comportamento descrito acima tente identificar quem convive com ele que também se comporta desta forma e ajude-o a não adiar as tarefas.
De acordo com o educador Eugênio Mussak, " do ponto de vista psicológico, a procrastinação pode ser entendida como uma dificuldade em definir prioridades a partir de elementos não emocionais. Em outras palavras, definir o que vai ser feito a partir da importância que tem e não a partir do prazer colhido em sua execução." Em seu texto O Procrastinador, Mussak identifica seis variedades de procrastinadores.
Dicas para ajudar às crianças a definir prioridades e executar tarefas:
  1. Utilize um calendário grande onde os compromissos mais importantes são anotados. Ensine à criança a riscar os dias conforme forem passando, assim ela vai criando noção de quanto tempo falta para a consulta ao dentista, ou para o aniversário da vovó.
  2. Crie um checklist de tarefas diárias, utilize uma estratégia motivante para a criança seguir sua lista. Por exemplo, utilize um quadro magnético e dê imã coloridos, com formas diferentes que devem ser colocado à frente de cada tarefa cumprida. Brincar só depois de fazer tudo, bem feito!
  3. Em um relógio grande, de parede, marque com durex colorido o horário para encerrar determinada atividade. Por exemplo a lição de casa começa a ser feita às 16:00, marque com o durex as 16:20 e explique que quando o ponteiro grande chegar naquela marca a lição deverpa estar terminada. Claro que o tempo estipulado deve ser suficiente para a tarefa proposta.
  4. Ensine a separar todo o material necessário para executar determinada tarefa, como a lição de casa, por exemplo. Uma boa maneira de treinar é fazendo receitas simples, pois é preciso separar todos os ingredientes antes de iniciar. Mostre para ela como será ruim precisar pegar alguma coisa no armário com as mãos sujas de farinha! A hora do banho também é um bom momento para treinar. Imagine sair do chuveiro e não ter a roupa separada para vestir-se em pleno inverno!
  5. Cultive hábitos e rotinas. Almoçar e jantar em determinado horário e determinado local (somente na cozinha, por exemplo). Tomar banho antes de jantar, dormir sempre no mesmo horário, ler uma história antes de dormir, escovar os dentes imediatamente após as refeições.
  6. Incentive a guardar os brinquedos no lugar depois da brincadeira. Isso evita a bagunça, facilita quando for brincar novamente e dispensa perder o tempo com a arrumação dos armários. Mas para isso providencie lugar para tudo!
  7. Acima de tudo: dê o exemplo, não procrastine!

Leia também:

Sexo ora:l para crianças...

Livros ajudam crianças a lidar com temas dolorosos

Adquira os livros:

Quem ama Educa

Cris Poli - Filhos autônomos, filhos felizes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin