Google+

7 de ago de 2008

Fazendo Arte

A matéria de capa da da Folha Equilíbrio de hoje fala sobre artes e tem algumas informações interessantes.


Educadores afirmar que fazer arte é fundamental para o desenvolvimento do senso crítico e estético, da criatividade, da curiosidade e da auto-estima. Um estudo recente afirma que os benefícios vão além do âmbito artístico, crianças que são estimuladas pelas artes desenvolvem habilidades de atenção e memorização ou seja aprende melhor outras matérias.
Atenção: Entenda como artes todas as formas de
expressão. A criança precisa criar! Deixe os desenho prontos de lado e permita
que a criança dê asas à imaginação.

A matéria também enfatiza que não basta deixar a criança fazer arte, ela precisa aprender a apreciar também. Veja estes museus que oferecem programação para crianças em São Paulo.

Fases de desenvolvimento

2 ~4 anos: Rabiscos desordenados são a característica desta fase. Os traços vão se tornando aos poucos mais organizado. Sente prazer nos rabiscos principalmente se tiver um adulto olhando.

4 ~ 7 anos: Primeiras tentativas de representação. Iniciam as representações de objetos relacionados com sua cultura, dispostos de forma desordenada. Gosta de mostrar sua obra para os adultos. Precisa de incentivo.

7 ~ 9 anos: Domina signos culturalmente compartilhados. Compões cenas com casa, sol, árvore. Geralmente os desenho são feitos em linha reta na parte inferior do papel.

9 ~ 12 anos: Desenhos mais detalhados e menores. Maior autocrítica, busca pela representação da realidade. Preocupação com noções de proporção e profundidade entre os 11 e 12 anos.



Dicas:

  • Ofereça variedade de materiais. Tinta, giz de cera, sucata, papéis de diversos tamanhos.
  • Evite perguntar o que esta desenhando. Espere a criança falar.
  • Não há certo e errado. Se o sol for azul, tudo bem!
  • O computador pode ser usado como ferramenta. Procure programas que favoreçam a criatividade.
  • Leve à exposições, apresente obras de diversos artistas, chame a atenção para diferentes técnicas.

A ilustração foi feita por uma ex-aluna, na época com 4 anos, para registrar uma atividade das aulas de educação física.

2 comentários:

  1. Ótima matéria!
    Percebo que as escolas vêm deixando a educação artística em segundo ou terceiro plano. Isso é muito ruim pois a arte faz com que a criança além de desenvolver criatividade também tenha prazer na atividade escolar.

    ResponderExcluir
  2. Pois é, Rodrigo. Hoje há uma preocupação muito grande em alfabetizar cedo as crianças em detrimento das atividades motorase artísticas. O que acabam esquecendo é que justamente essas atividades são a base para o bom desenvolvimento da criança. Haja visto o que indica este novo estudo.
    Obrigada por participar!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin