Google+

20 de ago de 2010

Crianças Índigo - você sabe o que é isso?

Você já ouviu esse termo? Você já leu alguma coisa sobre esse assunto? Há muitos anos minha mãe comentou comigo sobre o tema, chamou de outro nome, mas era sobre essas crianças que ela falava. Disse até que possivelmente meus filhos seriam assim.


Crianças Índigo é o termo usado pela comunidade espiritualista para designar crianças com um comportamento, digamos, especial. Uma Criança Índigo é aquela que apresenta um novo e incomum conjunto de atributos psicológicos e mostra um padrão de comportamento geralmente não documentado ainda.
Do ponto de vista do espiritualismo, nosso planeta está passando por um processo de limpeza espiritual para poder evoluir, de acordo com o espiritismo passaremos de um planeta de provas e expiações para um planeta de regeneração. E é nesse contexto que entram as Crianças Índigo.

Padrões de comportamento comuns das Crianças Índigo

  • Elas vêm ao mundo com um sentimento de realeza e freqüentemente agem desta forma.
  • Elas têm um sentimento de "desejar estar aqui" e ficam surpresas quando os outros não compartilham isso.
  • Auto-valorização não é uma grande característica. Elas freqüentemente contam aos pais quem elas são.
  • Elas têm dificuldades com autoridade absoluta sem explicações e escolha.
  • Elas simplesmente não farão certas coisas; por exemplo, esperarem quietas é difícil para elas.
  • Elas se tornam frustradas com sistemas ritualmente orientados e que não necessitam de pensamento criativo.
  • Elas freqüentemente encontram uma melhor maneira de fazer as coisas, tanto em casa como na escola, o que as fazem parecer como questionadores de sistema (inconformistas com qualquer sistema).
  • Elas parecem anti-sociais a menos que estejam com outras do mesmo tipo. Se não existem outras crianças com o nível de consciência semelhante em volta, elas freqüentemente se tornam introvertidas, sentindo-se como se ninguém as entendesse. A escola é freqüentemente difícil para elas do ponto de vista social.
  • Elas não responderão à pressão por culpa do tipo: "Espere até seu pai chegar e descobrir o que você fez".
  • Elas não são tímidas em fazer você perceber o que elas precisam.
O assunto envolve muito aspectos, continue acompanhando os posts.

Um comentário:

  1. Já publiquei um post sobre o assunto e muito me interessa!
    parabéns fez uma feliz escolha ao publica-lo!
    beijos, Cora.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin